Aplicação de ferramenta de marketing em eleição

Print Friendly, PDF & Email

O objetivo dessa reflexão é sobre a aplicação de ferramentas de marketing em eleições, suas oportunidades e riscos.

Entendo por eleição toda atividade de escolha entre pessoas, assumindo que o eleito é responsável pela execução da atividade fim, tanto para cargos públicos (Presidente, Senador, Governador, Deputado, entre outros), como para cargos particulares (Síndico, Presidente de Clube, Composição de Associação de Moradores etc.).

Quando pensamos no Marketing em qualquer das atividades citadas, a ferramenta presente está intimamente relacionada com Comunicação, o que atualmente está se transformando com velocidade espantosa.

Em 2018, no Brasil, para eleição de cargos públicos, a comunicação virtual vem predizendo o resultado final. Se comparamos com eleições anteriores, verificamos que as ferramentas utilizadas, embora possam ser as mesmas, têm formato diferenciado.  Reportando o ano de 2014, quando o uso do “Facebook” ou do “WhatsApp” não foi tão efetivo quanto em 2018, inclusive o modismo era o “Orkut”, hoje totalmente fora do contexto.

Nessa linha de raciocínio fica a dúvida: que ferramenta de Marketing poderia ser aplicada em atividades de eleição? Como se utilizar de uma ferramenta que sempre se renova?

A resposta pode ser relacionada aos 4P´S de Kotler1 : Produto, Preço, Ponto e Promoção. Abaixo, quadro demonstrativo de cada P, onde há uma comparação entre a teoria de Kotler e sua aplicação com a utilização no Marketing de Eleição, apresentando como seria a Comunicação da Campanha.

PRODUTO
 PRODUTOS CANDIDATO
Variedade  Benefícios que o Eleitor terá votando no candidato
Qualidade Competências a serem demonstradas (CHA)
Características Apresentação:  física e de vestuário

 

PONTO
 PRODUTOS CANDIDATO
Abrangência Territorial Local onde concorre: cidade, estado, país. 
Canais de Marketing Divulgação: visitas corpo a corpo, e-mail, redes sociais.
Localização física e virtual Físico ou virtual
PREÇO
 PRODUTOS CANDIDATO
Preço de venda Expectativa gerada pelo Programa Econômico e Social

 

PROMOÇÃO
 PRODUTOS CANDIDATO
Promoção de vendas Negociação de apoios
Publicidade e  Marketing Pessoal
Propaganda
Esforço de vendas Presença em oportunidades de divulgar a imagem

Conclusão:

Quando visto como “produto”, o CANDIDATO deve avaliar os seguintes tópicos:

  • Quais características e benefícios poderá oferecer ao seu Eleitor. Uma forma de observar esses detalhes é através de suas Competências, divididas em 3 partes: Conhecimentos, Habilidades que possui e suas Atitudes. Esta é uma que tabela não terá fim, uma vez que a cada dia agregamos mais valor ao CHA;
  • Saber exatamente qual o seu valor, em termos da atividade eleitoral e qual a expectativa gerada no Eleitor quanto ao Programa Econômico e Social;
  • Como negociar os apoios que ocorrem durante a campanha eleitoral.
  • Observar que atualmente a presença e oportunidade de divulgação de imagem ocorrem num espaço de tempo que tem início bem antes da campanha eleitoral. As redes sociais e outros instrumentos modificaram e muito as relações na comunicação, ainda mais que as citações não são contextualizadas;
  • O Administrador que tenha capacidade crítica e de observação, com certeza, tem espaço nesse cenário e pode desenvolver metodologias de Marketing voltadas para eleições.

1Philip Kotler: É considerado um dos pais do Marketing. Doutorado pelo MIT é um autor profícuo e os seus textos tornaram-se referências acadêmicas para o estudo de Marketing.

Sobre Firmino Sousa Carneiro

Graduado em Administração pela Universidade Gama Filho (1974), Pós Graduado em Gestão da Qualidade pela FGV-RJ. Secretário da Comissão Especial de Marketing do CRA-RJ. Integrante da Comissão Especial de Mediação e Arbitragem do CRA-RJ. Professor adjunto das Universidades Celso Lisboa e Estácio de Sá, por um período de 13 anos. Experiência na área de Administração, com ênfase em: Administração, Recursos Humanos, Marketing, atuando principalmente nos seguintes temas: Gerência Participativa, Relacionamento Interpessoal, Recrutamento e Seleção, Gestão de Pessoas, Prêmio Qualidade, Atendimento ao Cliente, Gestão de Call Center e Planejamento de Recursos Humanos. Realização de palestras em Seminários e Avaliador de Banca de TCC. Experiência em Gestão, Recursos Humanos, Marketing adquiridas em 30 anos no Sistema TELEBRAS (TELERJ).

Ver todas as postagens




4 Comentários para "Aplicação de ferramenta de marketing em eleição"

  1. Clinger Moraes disse:

    Excelente exposição! Parabéns.

  2. Joyce Bacelar disse:

    Firmino, fiquei encantada com sua palestra no campus Estácio Nova América, achei super pertinente o assunto tratado e quero ressaltar que antes de tudo, é necessário que o eleitor entenda e esteja minimamente familiarizado com o mundo do marketing na internet. Apesar de parecer uma novidade para muitos, as estratégias de marketing para eleições no Brasil existem há muitos anos e vem crescendo cada vez mais, acrescido a diferentes parâmetros como você sempre bem coloca … adorei e sucesso.

  3. Paula Regina Alvim Rangel disse:

    Parabéns, muito bom esse artigo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.